Objectivo do Blog

Sou mãe de uma menina que nasceu em Dezembro de 2009, o meu maior tesouro!
A minha filha apresenta comportamentos um pouco diferentes do comum para a idade, compatíveis com a Perturbação do Espectro Autista.

Este blog tem como objectivo a troca de informações com pais que estejam em situação semelhante.
Juntos encontraremos mais respostas pras nossas dúvidas e poderemos obter uma ideia melhor da evolução esperada para cada caso. Participem!

16 de março de 2012

A minha princesa com 27 meses

Estou muito contente com a evolução da minha pequenina!
(bem... "pequenina" em idade porque em tamanho não é nada pequenina, continua a rebentar os percentis, está enorme a minha piolha, o cefálico até está fora do gráfico :(...
Continuando... finalmente começou a chamar "mãe" e "pai" quando quer alguma coisa, é bom deixar de ser só a "mão".
Começou também a dizer "sim" o que é muito bom, para já só o diz por interesse, por exemplo: pergunto se gosta de chocolate, responde logo "sim sim" (e quer que lhe dê), pergunto se gosta da mãe e já não me responde... mas vai chegar lá, tenho a certeza!
Já nos responde mais vezes independentemente do interesse dela na coisa. Responde muitas vezes "fugiu" quando perguntamos onde está algo.
Está melhor nos jogos de imitação: como adora tomar banho, lembrei-me pegar num boneco e dizer-lhe que tínhamos que dar banho ao bebé, reagiu muito bem, começou a tirar-lhe a roupa e até lhe passou a esponja quando lhe pedi que o lavasse, agora quando vai tomar banho pega no bebé, tira-lhe a roupa e coloca-o na água.
Noto que faz cada vez menos aquele som repetitivo que fazia "hummmm, hummmm".
Tenho feito brincadeiras que a obriguem a olhar para mim e tem resultado, já consigo que me olhe muito mais no olhos.
Cortei-lhe nos desenhos animados, de início agarrava-se às minhas pernas, dava-me cabeçadas, deitava-se no chão a chorar, mas foi o melhor que podia ter feito pois ela passou a procurar-me mais para brincar com ela, o curioso é que quase sempre quer que eu brinque e ela fica a ver. Um exemplo: pega num livro e vai apontando para as figuras para eu dizer o nome do objecto... Pega numa caneta e dá-ma para eu fazer um desenho... gosta de imitar o que eu tento fazer com ela.
Noto que às vezes quer iniciar uma brincadeira, mas não tem muito a noção de como fazê-lo, por exemplo: chega ao pé de mim, bate-me com um brinquedo e fica à espera de uma reacção, seu eu fizer "ai ai ai" num tom de brincadeira ela sorri e volta a bater, às vezes a magoar, não tem noção que magoa e que desse modo já não é divertido.
Se vir cocó na caixa dos nossos gatos, vem ter comigo e avisa "mãe, cocó" pra eu ir limpar, se vir roupa no cesto mete-a na máquina e vai-me buscar o detergente, uma pastilha de anti-calcário e uma de branqueador pra eu por a máquina a lavar (tenho que me por a pau que um dia ainda me põe a máquina a lavar sozinha!!!)
Já aceita melhor sair de casa para ir dar um passeio (principalmente se lhe disser que vamos ao rio - continua fascinada por água).
Come muito bem e sozinha, mas continua a puxar o vomito com papas.
Tira os sapatos, as meias, as calças e puxa a fralda pra baixo.
Identifica várias partes do corpo.
Lava os dentes, no fim despeja o copo e deixa tudo arrumadinho.
Continua a acordar umas 2-3 vezes durante a noite, mas agora pega na chupeta e quase sempre adormece logo.
Sobe escadas, já sem ajuda das mãos e tem muito boa coordenação motora (sempre teve, começou a andar aos 10 meses)

Pontos negativos:
Começou bem, mas agora deixou de querer ir ao pote em casa, começa "não, não", na creche está tudo bem, a educadora diz que ela não pede, mas quando quer fazer aproveita que algum menino pediu e vai junto ou levanta-se e vai prá porta, raramente há acidentes.


1 comentário:

  1. Acho que são sinais super positivos! Lembro-me da dificuldade do meu aprender a dizer sim... E já ir à sanita tão pequenina? Vais ver que dentro de uns tempos este diagnóstico muda de certeza... Aliás, aconselhava-te mesmo a pedir uma segunda opinião. Bjs

    ResponderEliminar