Objectivo do Blog

Sou mãe de uma menina que nasceu em Dezembro de 2009, o meu maior tesouro!
A minha filha apresenta comportamentos um pouco diferentes do comum para a idade, compatíveis com a Perturbação do Espectro Autista.

Este blog tem como objectivo a troca de informações com pais que estejam em situação semelhante.
Juntos encontraremos mais respostas pras nossas dúvidas e poderemos obter uma ideia melhor da evolução esperada para cada caso. Participem!

22 de maio de 2012

A Luna é MINHA!!!


O meu pai vem muitas vezes aqui a casa ver a neta, entra com a habitual e estridente saudação “BEBÉÉÉÉÉÉCAS, OLHÓÓÓ VÓÓÓÓ”!!!

E quase sempre a reação que recebe é... nenhuma!!!

Então põe-se a fazer macacadas, (por vezes irritantes tipo por-se à frente da televisão a tapar-lhe os desenhos, ou então exigir-lhe beijos “à pressão”), ou então diz-lhe que tem coisas que não tem... às vezes resmungo com ele, sei que ele a adora, mas tem cá uma falta de jeitinho!

Estes dias, como ela não lhe ligava ele pegou na nossa cadela ao colo e disse “pronto não queres vir comigo vou levar a Luna

Hó caráças... ela dá um salto do sofá e vem a correr “MINHA... MINHA.... UNA MINHA...

É o que eu digo... ela gosta mais de animais do que de pessoas...

Foi a primeira vez que a ouvi a dizer “minha”, fiquei muito contente.

...


Hoje de manhã andava à minha volta “xuta” “xuta” “xuta” “xuta” “xuta” “xuta” e eu sem saber o que ela queria... e super atrasada!

(quando ela quer alguma coisa repete a palavra, até nós lhe darmos a “coisa”)

Chego à cozinha e vejo-a a olhar pró balcão – estavam lá os boiões de fruta que eram pra levar prá escolinha “há... queres fruta!!!” e ela “chim... xuta, xuta...”.

Como achei que ela ia comer uma colher e não querer mais como de costume, disse-lhe que a fruta era pra comer na escolinha e vou a metê-la dentro da mochila, ela agarra-se a um boião “meu... meu...meu...meu”

Lá fui eu buscar uma colher e ainda bem, porque afinal comeu-o todo!”

2 comentários:

  1. Boa! A começar a usar pronomes, isso é muito bom! O meu tb não ligava nada ao meu pai... Ele ficava super infeliz porque entrava em nossa casa e ele não tirava os olhos da TV. Agora nem imaginas!!! Pergunta por ele, corre a abraçá-lo, enche-o de beijos, às vezes chora com saudades dele... Não há fome que não dê em fartura :) O teu pai que não desista pois logo logo isso vai mudar

    ResponderEliminar
  2. Tenho a certeza que sim, tem sido tudo como a Rainbow diz, lembra-se de falar-mos sobre ela não me ligar, nem dar beijos, nem me abraçar, pois é, já está a começar a mudar, já me dá beijos, em sítios invulgares (tipo na mão ou na minha roupa) mas dá - por querer!
    Este fim de semana chegamos a casa da minha sogra e ela deu um abraço ao primo, foi tão bonito de ver!

    bjs

    ResponderEliminar